Blog
08. jun de 2022
BlogHelp,DICAS HELP,Saúde

Como doar sangue: saiba o que é preciso e como ser um doador de sangue

Saiba como doar sangue, quais são os requisitos necessários para que você possa se tornar um doador e ajudar a salvar vidas.

 

O sangue é essencial em cirurgias, em alguns tratamentos hospitalares e situações de urgência e emergência. No entanto, nem sempre há quantidades suficientes para atender os pacientes que precisam. Por isso, é muito importante que todos saibam como doar sangue e que assumam esse compromisso social.

Segundo dados do Ministério da Saúde, hoje o Brasil tem cerca de 1,6% de doadores, mas para suprir toda a demanda, o ideal seria ter 3%. O procedimento é simples e uma única doação pode beneficiar até quatro pessoas. Uma forma de fazer o bem e de salvar vidas!

Se você quer saber como doar sangue e o que fazer para se tornar um doador, acompanhe este artigo e veja todas as informações necessárias!

 

Quais os requisitos para doar sangue?

Além de estar com bom estado de saúde no geral, há alguns requisitos básicos para que uma pessoa possa se tornar um doador de sangue. São eles:

  • Ter entre 16 e 69 anos;
  • Pesar mais de 50kg;
  • Não ter ingerido bebidas alcoólicas nas últimas 12 horas;
  • Ter dormido pelo menos 6h na última noite;
  • Não estar em jejum;
  • Não ter ingerido comidas muito gordurosas, pelo menos três horas antes da doação.

No momento da doação, são feitas algumas perguntas para avaliar as condições de saúde, além do teste de anemia e aferição dos sinais vitais. Tudo isso é necessário para garantir mais segurança, tanto para quem doa como para quem vai receber o sangue.

Depois de passar por essa triagem, a doação pode ser feita. Ela costuma durar 15 minutos, tempo suficiente para retirar cerca de 450 ml de sangue — ou seja, uma quantidade pequena, já que uma pessoa adulta tem, em média, 5 litros.

Vale lembrar também que todos os materiais utilizados na coleta são descartáveis e nada é reutilizado, para que não haja nenhum tipo de risco de contaminação.

 

Qual o melhor tipo de sangue para doação?

O tipo sanguíneo não faz diferença no momento de doar. Isso porque todos os tipos são necessários e o destino da doação vai depender do paciente que precisa receber o sangue.

Somente depois do procedimento é que será feita uma separação, de acordo com a compatibilidade de quem pode receber. Veja:

  • Sangue A+: pode ser doado para A+ e AB+ e pode receber de A+, A-, O+ e O-;
  • Sangue A-: pode ser doado para A+, A-, AB+ e AB- e pode receber de A- e O-;
  • Sangue B+: pode ser doado para B+ e AB+ e pode receber de B+, B-, O+ e O-;
  • Sangue AB+: pode ser doado para AB+ e pode receber de A+, A-, B+, B-, AB+, AB-, O+, O-;
  • Sangue AB-: pode ser doado para AB+ e AB- e pode receber de A-, B-, AB- e O-;
  • Sangue O+: pode ser doado para A+, B+, AB+ e O+ e pode receber de O+ e O-;
  • Sangue O-: pode ser doado para A+, A-, B+, B-, AB+, AB-, O+, O- e pode receber de O-.

 

O que impede a doação de sangue?

Existem alguns fatores que impedem que uma pessoa doe sangue momentaneamente ou até definitivamente — casos de gripes, febre, diarreia e extração dentária recente, por exemplo.

Quem tomou vacina contra a gripe ou Hepatite B, precisa aguardar 48 horas. No caso da vacina para febre amarela, o prazo deve ser de uma semana. Em casos de cirurgias (apendicite, varizes e outras) é necessário aguardar 3 meses. E, se tiver feito tatuagem ou transfusão de sangue, só é possível doar depois de 1 ano.

Para mulheres, não é possível doar durante a gravidez e nem no pós-parto, mas a menstruação não é um impeditivo. Também é preciso esperar um intervalo de no mínimo 90 dias entre uma doação e outra. Já para os homens, o intervalo deve ser de 60 dias.

Uma pessoa fica impossibilitada definitivamente de doar quando:

  • Testou positivo para HIV;
  • Teve hepatite depois dos 10 anos de idade;
  • Tem diabetes e faz uso de insulina;
  • Teve malária, doença de chagas ou qualquer tipo de câncer;
  • Fez transplante de órgãos ou medula.

Em caso de dúvidas sobre como doar sangue, o melhor é sempre procurar um médico para ter uma avaliação específica e entender cada situação.

 

Doar sangue dói?

Essa é outra dúvida muito comum entre quem pensa em doar sangue, especialmente aqueles que têm algum medo de agulha. Entretanto, esse não deve ser motivo de preocupação, pois o procedimento é simples e praticamente indolor — é preciso apenas puncionar a veia, semelhante ao que acontece na coleta para fazer exame.

Contudo, é importante lembrar que a dor é uma percepção muito pessoal. Assim, o que para algumas pessoas pode ser tranquilo, para outras pode ser um pouco mais incômodo. Vai depender de como cada um se sente.

 

Idosos podem doar sangue?

A idade máxima para que uma pessoa se torne doadora de sangue é 69 anos. No entanto, a partir dos 60 anos só pode doar quem já fez pelo menos uma doação antes dessa idade.

Ademais, é necessário apenas que a pessoa cumpra os requisitos gerais que a tornam apta.

 

Como doar sangue pela primeira vez?

Agora que você já sabe como doar sangue, é hora de partir para a prática. Veja o que fazer para se tornar um doador.

  • Verifique se você se encaixa em todos os requisitos;
  • Procure o hemocentro da sua cidade ou da cidade mais próxima;
  • Apresente um documento oficial de identidade com foto (RG, carteira profissional ou CNH);
  • Faça o seu cadastro com dados pessoais e gerais.

Pronto! Você passará por uma entrevista e, na sequência, poderá fazer a doação. Depois de doar, alguns locais oferecem um lanche, mas também é importante tomar água para se hidratar.

Não é necessário interromper as atividades diárias, porém, recomenda-se evitar atividades físicas e que demandem esforço por pelo menos 12 horas. E quem trabalha com carteira assinada (CLT) tem direito a uma folga por ano quando é doador, independentemente do número de doações que tenha realizado.

Perceba então que doar sangue é mais simples do que parece e representa um gesto de amor ao próximo. Seja um doador voluntário e incentive outras pessoas a ajudarem também.

Gostou deste post e quer ler outros conteúdos relevantes? Acesse o blog da HELP agora mesmo!

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.